segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Marinha do Brasil assina o contrato de transferência do HMS “Ocean”

Navio HMS “Ocean” 
Marinha do Brasil assina o contrato de transferência do HMS “Ocean”
      Na manhã do dia 19 de fevereiro, em Plymouth – Inglaterra, o Diretor-Geral do Material da Marinha, Almirante de Esquadra Luiz Henrique Caroli, representando a Marinha do Brasil, assinou o contrato de transferência do HMS “Ocean” junto às autoridades do Ministério da Defesa britânico.
Assinatura do contrato
     Tendo sido incorporado à Marinha Real (Royal Navy – RN) do Reino Unido em 1998, o HMS “Ocean” foi projetado para realizar operações anfíbias com helicópteros embarcados e com Tropas dos Royal Marines (Fuzileiros Navais britânicos), bem como para atender a missões de ajuda humanitária, como a ocorrida em setembro de 2017, quando aquele Navio assistiu às populações Caribenhas que foram flageladas pela passagem do furacão “Irma”.
     Na Marinha do Brasil, o HMS “Ocean” será empregado em operações aéreas com helicópteros, operações anfíbias com tropas de Fuzileiros Navais e missões de Controle de Área Marítima para proteção de nossas Linhas de Comunicações Marítimas, bem como conduzirá atividades de apoio logístico, de caráter humanitário, de auxílio a desastres naturais e de apoio a operações de manutenção da paz.
     A incorporação do HMS “Ocean” à MB será em 29 de junho de 2018, sendo que o processo de transferência do Navio tem previsão de ser concluído até o final do mês de julho, com chegada ao Brasil em agosto. Até lá, os tripulantes brasileiros realizarão cursos na RN, em empresas fabricantes dos equipamentos e intensivos treinamentos, além de que o Navio executará serviços de manutenção e docagem em estaleiro britânico, de modo a que seja recebido em suas melhores condições de material e de preparação de nosso pessoal.
     O HMS “Ocean” possui as seguintes características:
· Comprimento total: 203,43 m; 
· Deslocamento carregado: 21.578 t; 
· Velocidade máxima mantida (VMM) prevista em projeto: 18,0 nós;
· Raio de ação: 8.000 milhas náuticas;
· Acomodação para tropa: 806 Fuzileiros Navais; e
· Aeronaves embarcadas: 18 helicópteros.
     O Navio tem capacidade para operar simultaneamente até 7 aeronaves em seu convés de voo, podendo utilizar todos os tipos de helicópteros pertencentes aos Esquadrões da Marinha do Brasil, quais sejam: Seahawk (SH-16), Cougar (UH-15 A/B); Lynx (AH-11B), Esquilo (UH-12/13), Bell Jet Ranger III (IH-6B) e Super Puma (UH-14).

CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA MARINHA

Governo federal vai pedir mandados de busca e apreensão coletivos no Rio

Anuncio foi feito pelo presidente Temer e o governador Pezão Foto: Givaldo Barbosa / Agência O Globo
Catarina Alencastro e Karla Gamba
Após a reunião de instalação do Conselho de Defesa e do Conselho da República para debater a intervenção federal no Rio com o presidente Michel Temer e os conselheiros, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, informou que o governo vai pedir à Justiça que possa expedir no estado mandados coletivos de busca e apreensão e de prisão. O objetivo, segundo ele, é conseguir cercar toda uma rua ou mesmo comunidade para capturar criminosos. Hoje, os mandados são restritos a uma casa específica. Jungmann alegou que os bandidos se movem e acabam escapando.
Jungmann reiterou várias vezes que a intervenção é civil, e não militar. E afirmou que o interventor, o general Walter Braga Netto, é militar, mas tem poderes administrativos apenas. Segundo ele, "não há carta branca" e nem caberá ao interventor "definir a movimentação das tropas". As ações permanecem sob comando do Ministério da Defesa, e Braga estará subordinado ao Estado Maior Conjunto das Forças Armadas e ao ministério.
— Não há nenhuma carta branca, nem carta negra, nem carta cinza. E esclareço que os militares não estarão substituindo o papel das polícias. Não vamos confundir a intervenção, que é um ato administrativo, com a ação militar, que é GLO (Garantia da Lei e da Ordem) — disse.
Jungmann também disse que embora Braga Netto precise de um tempo para fazer um diagnóstico da situação e a partir daí solicitar recursos ao governo federal, o Rio já tinha um plano de combate à violência em andamento. E que esse plano será agora "adaptado" à intervenção. Jungmann disse ainda que em determinado momento, o governo chegou a cogitar fazer uma intervenção mais ampla no Rio, abrangendo também a área econômica do governo. E que se fosse esse o caso, o interventor seria civil. Mas como a conclusão foi a de que a intervenção deveria ficar restrita à segurança pública então a decisão foi de nomear um interventor militar. A decisão de nomear um interventor militar também passou, segundo o ministro, pelo fato de o cargo contar tempo para a carreira militar.
Jungmann disse que a criação de um novo ministério, da Segurança Pública, deve acontecer nesta semana. O decisão foi anunciada por Temer, no Rio, no último sábado.
Fonte: extra.globo

Clube Carioca da Cachaça (CCC) ALTO PADRÃO

     No dia 17 de fevereiro 2018 (sábado), aconteceu o 20o Encontro Etílico do Clube Carioca da Cachaça (CCC), no segundo pavimento da Cachaçaria Mangue Seco, Rua do Lavradio 23, centro, RJ. Onde foi apresentada as Cachaças Rainha do Vale de Belo Vale/MG e Excelência, de Passa Quatro/MG.
     O evento aconteceu num clima muito agradável e descontraído! Contou com a presença de 52 pessoas que, livremente e a moda Self Service, degustaram das boas cachaças dos produtores convidados e outras da coleção do Clube Carioca da Cachaça.
     Por Oportuno, informar que o CCC fez parceria com duas cachaçarias uma no Rio e outra em Niterói, quem for associado portando a carteirinha tem descontos, veja:
- Loja Rei da Cachaça (antigo Tonel e Pinga) na Rua São João 194 Centro - Niterói descontos de 10% para pagamento em espécie e de 5% para pagamento em cartão.
- Loja Cachaçaria do Gaspar fica na entrada da Feira de Tradições Nordestinas (conhecida como Feira de São Cristóvão), primeiro corredor a esquerda em São Cristóvão - desconto de 10% para qualquer cachaça.
     Lembrando que para se tornar associado e gozar dessas prerrogativas é necessário frequentar pelo menos 5 reuniões, consecutivas ou não.
***O próximo encontro será no dia 10 de março, no mesmo local e horário.
Vamos que vamos!!!
 

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Temporal causa CAOS na Ilha do Governador

Sede do VERZUL F. A. onde nosso popular "Saco Mucho" está utilizando nas reuniões das sextas-feiras.
     O forte temporal que atingiu a Ilha do Governador na madrugada de ontem 15/FEV, causou muitos transtornos, principalmente na região do Moneró, onde moro. Mas, a Freguesia, Tauá, Cocotá, praia da bica e ETC, sofreram igualmente a falta de energia, internet e até sinal de celular...
     Mora na Ilha Gov. há 45 anos e nunca presenciei tamanha devastação!
Vejam as fotos feitas 32 horas depois e nada ainda foi feito em volta do Condomínio Alves Câmara e no Corredor Esportivo, ambos no Moneró.

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

20º Encontro do Clube Carioca da Cachaça (CCC).

Convite para o  20º Encontro do Clube Carioca da Cachaça (CCC).
Foto no 19º Encontro
      Nota do Presidente:
     Amigos,
     No próximo dia 17 de fevereiro (sábado) a partir de 12 horas estaremos abrindo as portas para o nosso Encontro do Clube Carioca da Cachaça.
     Como sempre acontece, o local do nosso evento é a Cachaçaria Mangue Seco, rua do Lavradio 23 - Rio Antigo, só que desta vez será no segundo pavimento que é mais espaçoso.
     Teremos a honra de estar apresentando aos participantes as Cachaças Rainha do Vale de Belo Vale MG e a Excelência de Passa Quatro, também de MG.
     No evento você degusta cachaças dos produtores presentes e aquelas que o clube oferece, além disto, você ainda pode comprar as cachaças apresentadas, fazer novos amigos ou reencontra-los, sempre num clima bastante agradável.
     Contamos com sua presença e de seus amigos.
     Adesão para associados é de R$ 15,00 e os não associados, R$ 20,00.
     Lembrando que para ser associado você precisa ter comparecido ao mínimo de 5 encontros.
     Até lá...
     Diretoria do Clube Carioca da Cachaça.

     O SM estará presente... ADSUMUS!

domingo, 11 de fevereiro de 2018

Recesso de Carnaval -FUI...

Foto - Carnaval 2012 em Saquarema/RJ (Bacaxá). Último Carnaval do saudoso Arcênio!
Se fantasie de amor
Pierrotize-se de paz
Deixe a paixão crescer mais
Desmascare-se do horror
Para onde você  for 
Não leve a senha do mal
No etc coisa e tal 
Respeite a outra metade
Aí você de verdade
Tá brincando carnaval

[Bebé de Natércio]

Bom Carnaval 2018...!
Agora, só quarta-feira de cinzas, se a maldita RESSACA deixar, será?!

sábado, 10 de fevereiro de 2018

Encontro da Turma de FNs de 1987 do GptFNRG

     Encontro da Turma de Fuzileiros Navais de 1987 do GptFNRG.
Segue abaixo uma nota que recebi do Veterano Maffra.
     A nota:
     Em 04 de fevereiro, a Turma 1/1987 fez mais um encontro de seus FNs. O mesmo ocorreu no sítio do FN RM2, Costeira (no interior da cidade de Pelotas), e contou com a presença de vários combatentes que se formaram no GptFNRG em 1987.
     Alguns suboficiais estiveram presentes, tais quais, o Instrutor Ricardo, e os alunos (recrutas na época) Fábio (Japão), Albrecht e Júlio... Estiveram presentes ainda seus familiares. Os mesmos fizeram um churrasco, com direito a pista de Paint Ball (com alguns hematomas)... 
     Fui monitor de recrutas desta Turma, mas infelizmente não consegui participar deste evento.
     Bravo Zulu!

Gilberto Chaves Tchê Interpreta "Veteranos do Brasil"

Veteranos Fuzileiros Navais...
Bonito vídeo!
BRAVO ZULU!
Música e composição de Gilberto Chaves Tchê.
 Edição de vídeo por Guilherme Gasparoni.

Veteranos do Ar - Opção de Atividade Física e Lazer

Atentos Veteranos do Ar!
     Atividades Físicas e de lazer, para Militares, Servidores Civis, Dependentes e Pensionistas maiores de 60 anos, a partir de 1o de fevereiro/2018, toda quinta-feira às 9 horas.
     Inscrições e informações através do tel. 22-26214154, e-mail rafaela@marinha.mil.br
      A MARINHA DO BRASIL
     Protegendo Nossas Riquezas, Cuidando de Nossa Gente!

     BRAVO ZULU!

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Esclarecimento sobre matéria do CIAA veiculada no Jornal Nacional - Nota da Marinha

     Em relação à matéria exibida na edição do Jornal Nacional desta terça-feira (06), envolvendo tentativas de hostilizar militares do Centro de Instrução Almirante Alexandrino (CIAA), a Marinha do Brasil esclarece que está investigando os episódios relatados na reportagem por meio de um Inquérito e que, até a conclusão, é prematuro realizar qualquer julgamento.
     Sabe-se que a área onde se encontra o CIAA tem um entorno conturbado e a preocupação primordial é que o ambiente externo não interfira nas atividades de ensino do Centro e nem na segurança do pessoal. A situação naquela região já tem sido tratada no âmbito da segurança pública do estado.
     No caso ocorrido no CIAA, os militares agiram de forma a preservar a integridade física do pessoal e das instalações, seguindo normas internas de segurança. Nesse momento, foi acionado o Grupo de Reação, mas o indivíduo já havia se evadido.
     A guarita exibida na matéria não está desativada e é guarnecida em momentos aleatórios, seguindo planejamento preestabelecido.
     Após as medidas adotadas internamente no CIAA, não houve mais qualquer ocorrência.
     No tocante à Garantia da Lei e da Ordem (GLO), a Marinha está pronta para agir em qualquer ponto do território nacional, sob a égide das leis que regem essas operações, como sempre tem feito.

CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA MARINHA

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

CONCURSO PÚBLICO DE ADMISSÃO ÀS ESCOLAS DE APRENDIZESMARINHEIROS (CPAEAM) EM 2018

COMANDO DA MARINHA 
DIRETORIA DE ENSINO DA MARINHA 
EDITAL DE 31 DE JANEIRO DE 2018. 
CONCURSO PÚBLICO DE ADMISSÃO ÀS ESCOLAS DE APRENDIZES MARINHEIROS (CPAEAM) EM 2018
     A Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM), na qualidade de Órgão Supervisor, torna público que, no período de 01/02 a 02/03/18 estarão abertas as inscrições para o Concurso Público de Admissão às Escolas Aprendizes-Marinheiros em 2018. O presente Edital estará à disposição dos candidatos na Internet, no endereço www.ensino.mar.mil.br ou www.ingressonamarinha.mar.mil.br, ou nos locais de inscrição listados no Anexo I. 
As datas relativas às diversas etapas e eventos do Concurso Público encontram-se disponíveis no Calendário de Eventos do Anexo II.
Clique AQUI  e veja o ETITAL completo.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Aspirantex 2018 - última semana


     
     Na manhã do dia 12 de janeiro, o Navio de Desembarque de Carros de Combate (NDCC) “Almirante Saboia” e o Navio Doca Multipropósito “Bahia” suspenderam da Ilha de Mocanguê, no Rio de Janeiro, integrando um Grupo Tarefa (GT) da Esquadra, dando início à Operação Aspirantex 2018, que ocorreu até o dia 1º de fevereiro e envolveu diversos meios navais e aeronavais.
     De acordo com a informação do site da Mainha, a Aspirantex, este ano contou com 207 Aspirantes, sendo seis Aspirantes femininas, envolveu 1336 militares e executou exercícios, de caráter militar, ligados às tarefas básicas do Poder Naval, para familiarizá-los com a vida no mar e contribuir para a orientação dos 168 Aspirantes do 2º ano sobre a opção do Corpo e a escolha da Habilitação Militar.

Com informação do site da MARINHA DO BRASIL
VIVA A MARINHA!

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Comando do 8º Distrito Naval realiza o projeto “Saudando a Reserva”

Veteranos conheceram a rotina da tripulação do Navio Veleiro “Cisne Branco”
 
     O projeto "Saudando a Reserva" promoveu, no dia 25 de janeiro, uma visita ao Navio Veleiro “Cisne Branco” com o grupo de veteranos, na Capitania dos Portos de São Paulo, em Santos (SP). O grupo foi composto por militares que relembraram momentos inesquecíveis da carreira e puderam conhecer as atividades do navio.
     O “Saudando a Reserva” visa propiciar aos oficiais, praças e servidores civis veteranos, a oportunidade de visitar organizações militares da Marinha, de modo a estimular a manutenção do vínculo entre o pessoal da reserva e da ativa.
     O projeto faz parte Programa de Maturidade Saudável, promovida pelo Núcleo de Assistência Social e pelo Departamento Regional do Abrigo do Marinheiro em São Paulo (SP).
 
Militares da reserva conheceram as novas tecnologias do navio